domingo, 14 de setembro de 2014

Usando a palavra certa: "revelar" vs "imprimir"

Câmera fotográfica e filme fotográfico

Este post é apenas para esclarecer o verbo "revelar".

No tempo do filme fotográfico, ao processo de "levar o filme e trazer as fotos" as pessoas chamavam de "revelar".

Vamos esclarecer:

Revelador, interruptor e fixador: Químicos usados na revelação do filme fotográfico

"Revelar (o filme)" é o processo de colocar o filme nos banhos químicos, esperar, secar, etc... deixando-o pronto para transferir as imagens para o papel fotográfico (ou usar num projetor de slides... uma espécie de datashow de antigamente). Repare que a pessoa poderia apenas revelar, e não ampliar/copiar as fotos.

Filme sendo colocado no caracol, para depois ser imerso no revelador

O processo de passar as fotos do filme para o papel fotográfico é chamado de "imprimir" ou "copiar". Estritamente falando, há realmente uma revelação no papel fotográfico, mas isso fica abstraído no conjunto de processos.

No ampliador, o filme é colocado na parte superior, e o papel fotográfico virgem na parte inferior. A luz é ligada por alguns segundos e a imagem é transferida.

Só que, por tradição, as pessoas continuam usando o verbo "revelar" para fotos digitais. Como todos sabem do que se trata, não há problema; é a língua evoluindo.

Rigorosamente, não faz sentido falar em "revelação digital", já que não há o que se revelar nesse caso. Poderia se alegar que há a revelação do papel fotográfico, mas o sentido no processo é outro; logo, não se justifica.

Enfim, este é o esclarecimento.

Neste blog, pretendo usar os verbos "imprimir" e "copiar" sem maiores distinções, e evitar o verbo "revelar" nesses casos, para manter um certo rigor linguístico.

Imagens obtidas da internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário